domingo, 28 de dezembro de 2014

O fim de semana da Globo já está em clima de celebração de Ano Novo. Angélica abre as festividades no sábado, dia 27, com um ‘Estrelas’ especial. O ator Ney Latorraca faz uma retrospectiva de momentos marcantes de sua vida e recorda que a arte de atuar já era uma alternativa para o sustento da família desde cedo. “Já nasci representando”,lembra o ator. No quadro ‘Sabores’, Angélica recebe o ator matogrossense, Nando Rodrigues, atualmente em ‘Alto Astral’, que prepara um tradicional arroz carreteiro. Para encerrar o último programa do ano, Marina Ruy Barbosa apresenta uma de suas atividades físicas favoritas: o kickboxing. A bela explica que seu interesse pela aula nasceu de sua personagem em ‘Império’. “Quando estava me preparando para fazer a novela fiquei sabendo que teriam cenas sensuais. Eu tinha que me preparar para ficar segura com o meu corpo em cena e só pensar na atuação”, conta Marina.

Fim de semana antecipa celebração de Ano Novo 

Em seguida o ‘Caldeirão do Huck’ faz uma retrospectiva de acontecimentos importantes de 2014 com aqueles que não têm papas na língua: as crianças. No palco do programa, uma turminha de 12 “mini jornalistas”, com idades entre cinco e dez anos, repercute as notícias apresentadas por Luciano Huck e mostra talento para informar, divertir e sensibilizar o público. Também no ‘Caldeirão’, os atores Malvino Salvador e Roberta Rodrigues revelam habilidade na hora de pintar o sete no ‘Acerte o desenho’. Para saírem campeões, eles formam duplas com outras duas pessoas que se inscreveram para participar do quadro e se esforçam na brincadeira de desenhar e acertar palavras. Ainda no programa, o último ‘Lata Velha’ do ano reforma a Kombi 1978 de Sérgio Ribeiro, dono de uma pousada em São Thomé das Letras, Minas Gerais, que vive em um castelo que ele próprio construiu. Completando a atração, a equipe do ‘Caldeirão’ se reúne na tradicional oferenda à Iemanjá, na Praia da Reserva, no Rio.
O sábado em clima de Réveillon fecha com o ‘Zorra Total’. Mas a comemoração não será muito animada para Valéria (Rodrigo Sant’anna) e Janete (Thalita Carauta). As amigas resolvem ir para uma festa de Ano Novo com o carro recém-comprado da ‘assessora de poeiras e detritos’, mas não previam um longo engarrafamento que pode fazê-las passar a virada de ano no trânsito. Tudo promete ficar ainda pior quando um policial intercepta a dupla para uma vistoria. O problema é que no documento de identidade de Valéria ainda consta seu nome de batismo, Waldemar.

No domingo, dia 28, é a vez do ‘Esquenta!’ entrar no espírito de Ano Novo. Regina Casé celebra a chegada de 2015 ao lado de grandes amigos. Abrindo a festa, Lulu Santos e Preta Gil tocam os seus sucessos no palco da atração. Um dos destaques deste ano, a atriz Bruna Marquezine também é convidada do programa e comenta sua trajetória e os planos pessoais e profissionais para 2015. E como em comemoração não pode faltar muita risada, a dupla de humoristas Marcius Melhem e Marcelo Adnet diverte a todos com as suas improvisações. O maquiador Fernando Torquatto dá dicas para as meninas arrasarem na noite do dia 31 e maquia algumas integrantes da plateia. Já o quadro ‘Batendo o Ponto’ lembra aqueles que trabalham na virada do ano e faz uma homenagem aos técnicos de enfermagem, motoristas de ônibus e porteiros.

Em uma grande festa, Fausto Silva receberá os destaques do jornalismo, do entretenimento e da música em 2014, na 19ª edição do ‘Melhores do Ano’. O prêmio tem três novas categorias: ‘Melhor Repórter de Jornalismo’, ‘Melhor Atriz de Série’ e ‘Melhor Ator de Série’. Ao todo, serão 15 homenageados no palco do ‘Domingão do Faustão’.



Fotos no site de imprensa www.redeglobo.com/imprensa

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Uma parada obrigatória em São Paulo, no Bairro do Itaim: Bar do Alemão

  • Historia
  • Bar do Alemão de Sao Paulo 
O Bar do Alemão continua se destacando com a receita de família do Filet a Parmegiana. Esta receita, saborosíssima, aliada ao generoso corte de carnes selecionadas com atenção, fez da Parmegiana do Bar do Alemão a mais conhecida e apreciada Parmegiana do Brasil. 
Atualmente funciona como bar em vários endereços da cidade e hoje terá uma especial degustação especial de cervejas japonesas.
Que tal um bom Parmegiana com cervejas japonesas, istou é o mundo globalizado.
Bom apetite!


-------*---------
Em Moema, outra excelente opção:

De Itu para São Paulo
Bar do Alemão Moema e Itaim. De Itu para São Paulo, o melhor e mais tradicional Filé à Parmegiana do Brasil. Mais de um século de história. A paixão pela boa comida, boa bebida e o convívio com os amigos que faz com que o Bar do Alemão de São Paulo continue sendo um sucesso!
(11) 5052.8333 / (11) 3078.3828 | www.bardoalemaosp.com.br
Av. Juriti, 651, Moema / R. Dr. Mário Ferraz, 490, Itaim Bibi, São Paulo/SP


quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

No domingo, 7 de dezembro foi realizada em Campinas, a 4ª edição da Corrida e Caminhada Hospitalhaços, ONG humanitária que completa 15 anos de atuação neste mês.


GERMED PATROCINA 4ª CORRIDA E CAMINHADA HOSPITALHAÇOS



O objetivo da corrida é arrecadar fundos para que a ONG continue seu trabalho e que os 365 voluntários possam continuar levando dignidade, amor e alegria para o ambiente hospitalar.
A Germed Genéricos colabora para o êxito do evento, na qualidade de um de seus patrocinadores, ao lado da Unimed, além de órgãos públicos como a Secretaria de Esporte, Sanasa, Setec e Emdec.

Os vencedores, tanto masculinos, como femininos receberam medalhas  e camisetas comemorativas.

A Germed foi representada no ato pelo seu diretor de marketing da Germed Genéricos, Felipe Cautella, que explicou a participação da empresa no evento: “A Germed Genéricos tem o máximo empenho em colaborar com iniciativas como esta , envolvendo médicos, profissionais de saúde e seus funcionários, na humanitária função de tornar mais agradável o tempo de internamento das pessoas em hospitais e casas de saúde, apressando sua pronta recuperação”.

A vencedora da corrida feminina foi a atleta Zenaide Vieira, com o tempo de 18 minutos e 26 décimos.

Os prêmios foram entregues por Felipe Cautella, e equipe de apoio da Germed Genéricos.
 <OS,SP>

No Rio de Janeiro, a hora marcada com Pixinguinha!


O show “40 Anos Sem Pixinguinha” começou em 2013, todas as apresentações lotadas. As estrelas deste tributo ao “Mestre do Choro” são as grandes cantoras Maria Alcina e Vânia Bastos, que interpretam clássicos da obra singular de Pixinguinha. Muita emoção na plateia e no palco. É espetáculo para todas as idades.



Para homenagear o flautista, saxofonista, compositor e arranjador Pixinguinha, o baixo acústico de Marcos Paiva - um dos melhores artistas da nova safra da música instrumental brasileira - reencontra o Choro neste show, em pura poesia musical. Em arranjos lúdicos e criativos o baixista mostra a beleza da obra de Pixinguinha de forma bem particular.

As vozes únicas de Maria Alcina e Vânia Bastos destacam vários clássicos do Mestre, como: Carinhoso, Rosa, Lamento, Fala Baixinho, Gavião Calçudo, Urubu Malandro e outras belezas.


 Maria Alcina

Seus primeiros trabalhos artísticos eram apresentações em Teatros de Revista, ao lado de Leila Diniz, e em casas de shows. Após ganhar projeção nacional em 1972 com a canção Fio Maravilha, de Jorge Ben, a cantora gravou composições de artistas consagrados como Rita Lee, João Bosco & Aldir Blanc e Eduardo Dusek. Em 2003 surpreende o mundo da música gravando o CD "Agora" com o grupo de música eletrônica Bojo, que lhe rendeu uma aparição em Berlim, na Feira de Música Popkomm. Em 2009, Maria Alcina ganhou o Prêmio da Música Brasileira nas categorias de melhor cantora, melhor álbum e melhor produção, pelo disco Confete e Serpentina. Acaba de lançar mais um CD que marca os seus 40 anos de carreira, “De Normal Bastam os Outros”, com músicas inéditas e regravações.

Maria Alcina interpreta “Gavião Calçudo” no show:
http://www.youtube.com/watch?v=-TnITA_skxE


Vânia Bastos

Com mais de 30 anos de carreira, Vânia Bastos é considerada uma das mais importantes vozes da MPB. Lançou 11 discos primorosos. Alguns trabalhos destacaram obras de grandes mestres da música brasileira: Tom Jobim, Caetano Veloso e o Clube da Esquina. Teve canções em trilhas de novelas, na TV Globo e SBT. Em 2007 lançou seu primeiro CD/ DVD “Tocar na Banda”. Seu último trabalho, em CD, mostra a obra singular do compositor Edu Lobo. Atualmente viaja com o show “Poeta da Canção” focando as canções do Poetinha Vinícius de Moraes. E integra a vitoriosa turnê do show em homenagem ao grande Pixinguinha.

Vânia Bastos interpreta “Lamento”, em número sofisticado de baixo e voz:
http://www.youtube.com/watch?v=pp32F29r0tk


Em anexo fotos das cantoras Maria Alcina e Vânia Bastos em alta resolução. 


“Aí talvez esteja o segredo: Pixinguinha, músico talentoso e versátil, que morreu durante um batizado há 41 anos (o show em sua homenagem começou no ano passado), é tão cheio de nuances que talvez seja mesmo necessário uma gama diversa de artistas para expressar toda sua riqueza musical.” Jornal A Voz da Serra – 19/08/14 - Liliana Sarquis

 “E até mesmo num show encabeçado pela tarimbada Maria Alcina, o tributo 40 Anos sem Pixinguinha, pode-se descobrir boas novidades. Nesse caso, a surpresa é o inteligente contrabaixista e arranjador Marcos Paiva, que lidera o trio responsável pela parte instrumental." Jornal do Comércio - 11/11/13 - André Domingues


SERVIÇO
40 ANOS SEM PIXINGUINHA – MARIA ALCINA, VÂNIA BASTOS E MARCOS PAIVA TRIO
Local: Teatro SESC Ginástico - Av. Graça Aranha, 187 - Centro/RJ

Data e Horário: 16 de dezembro – Terça-feira, às 19h.
Classificação indicativa: 14 anos
Informações: (212279-4027
Ingressos: R$ 10,00 (inteira) R$ 5,00 ( meia-entrada).